PFC

Com mais de 16 mil atletas, Maratona Internacional de Porto Alegre será realizada neste sábado (3) e domingo (4)

Uma das mais tradicionais corridas de rua do Brasil será realizada neste fim de semana na capital do Rio Grande do Sul. A 38ª edição da Maratona Internacional de Porto Alegre vai reunir mais de 16 mil atletas neste sábado (3) e domingo (4). Neste 2023, ano em que completa 40 anos, vai distribuir cerca de R$ 180 mil de premiação em dinheiro, sendo R$ 30 mil aos grandes campeões, masculino e feminino, dos 42.195 metros da maratona.

No primeiro dia de corrida, neste sábado (3), serão realizadas a meia maratona, com 21.1 km, e a Corrida Rústica, com 7 km. A prova principal será no domingo (4), com os 42.2 km da maratona. Nas três distâncias, o evento recebe atletas de todos os estados do Brasil, além de competidores de 15 países, de África, América do Sul, Ásia, Europa e Oceânia.

A 38ª Maratona Internacional de Porto Alegre é uma das maiores edições da história do evento. Não apenas pela maior premiação aos melhores atletas. Nesta edição, o percurso da prova de 42.2 km vai contemplar a região do Centro Histórico de Porto Alegre, que concentra uma parte significativa dos pontos turísticos da cidade. Além disso, a prova principal terá a inédita transmissão ao vivo. A TVE RS, emissora pública de televisão do Rio Grande do Sul, a TV Brasil, rede pública brasileira de sinal aberto, e o canal no YouTube da Olympikus, marca esportiva do evento, fazem transmissão unificada que inicia pouco antes das 7h, horário de largada da maratona, neste domingo (4).

“Há uma série de fatores que fazem desta edição a maior de toda a história da Maratona Internacional de Porto Alegre. Além da maior premiação já paga aos melhores atletas, teremos a transmissão ao vivo inédita no segmento, com exibição em canais de televisão abertos e em rede nacional. Outra grande novidade é o percurso da maratona, que passa a completar também a região do Centro Histórico de Porto Alegre, um desejo antigo nosso e também de muitos atletas”, afirma Paulo Silva, diretor da prova e do Clube de Corredores de Porto Alegre (CORPA), organizador do evento.

Corrida no sábado e no domingo

A ação na capital gaúcha começa na manhã deste sábado (3). Os atletas que vão participar da meia maratona e da corrida rústica se concentram nos arredores do BarraShoppingSul, na Avenida Diário de Notícias. No local estará montada a arena do evento, com o pórtico de largada e chegada.

A largada da Corrida Rústica será às 7h deste sábado. O percurso contempla a Orla do Guaíba. Os atletas fazem o trajeto de 7 km entre o BarraShoppingSul e as imediações do Estádio Beira-Rio. Já a meia maratona terá largada às 7h10. Da arena, seguem rumo ao norte, até o Mercado Público de Porto Alegre, na região do Centro Histórico. O retorno ainda contempla passagem pelo Monumento dos Açorianos e proximidades do Parque Farroupilha antes de tomarem o sentido de retorno ao pórtico para completar os 21 km de prova. A meia maratona distribui R$ 30 mil em dinheiro aos cinco primeiros colocados no geral, masculino e feminino. Os campeões dos 21.1 km faturam R$ 5 mil cada.

Já a prova principal, com transmissão ao vivo, será na manhã de domingo (4). Cadeirantes, deficientes visuais e especiais largam às 6h55. Às 7h será a largada da maratona para todos os atletas, também a partir da arena montada na Avenida Diário de Notícias, em frente ao BarraShoppingSul. Na primeira metade dos 42.2 km, os atletas contornam a região dos clubes náuticos de Porto Alegre e seguem rumo ao trecho pelos bairros Cidade Baixa e Menino Deus. A reta final da maratona passa pelo Centro Histórico até o reencontro com a Orla do Guaíba para os últimos quilômetros rumo a linha de chegada.

Os cinco primeiros colocados no geral da maratona masculina e feminina dividem um total de R$ 146 mil. Os grandes campeões da 38ª Maratona Internacional de Porto Alegre vão ganhar R$ 30 mil cada.

Disputa e expectativa de quebra de recordes

Com a mais alta premiação em dinheiro de sua história, a Maratona Internacional de Porto Alegre promete uma grande disputa na edição deste ano. Prova principal, a maratona tem mais de 50 atletas de elite brasileiros e internacionais confirmados para a largada. Entre eles está o queniano Vestus Cheboi, campeão da Maratona de São Paulo. Entre os atletas do Brasil, no masculino, estão Geílson dos Santos, campeão do ano passado, e Wellington Bezerra, o Cipó, vice campeão da Maratona de Curitiba em 2022.

Na prova feminina, a disputa também será acirrada. Entre as atletas confirmadas está a queniana Vivian Kiplagat. Também africanas, as etíopes Tejinesh Gebisa e Sule Utura tentam o prêmio de R$ 30 mil para a campeã da maratona. Entre as brasileiras na disputa estão Valquíria Marques de Oliveira, campeã da prova em 2016, Marlei Willers, campeã da Maratona de Curitiba em 2022 e vice campeã da Maratona de São Paulo em 2023, e Raisa Marcelino do Nascimento, quinta colocada em 2022.

O recorde da prova feminina foi estabelecido em 2013, quando a queniana Ednah Mukhwana completou os 42 km em 2h32m41. Já o melhor tempo na maratona masculina persiste por quase três décadas. Em 1994, Luís Carlos da Silva fez o tempo de 2h12m59.

Feira e retirada de kit

A programação oficial da 38° Maratona Internacional de Porto Alegre inicia nesta quarta-feira (31), com a abertura da Feira da Maratona. Pelo espaço, montado no Centro de Evento do BarraShoppingSul, devem passar aproximadamente 30 mil pessoas até sábado (3).

Além de retirada de kit pelos atletas inscritos, a Feira da Maratona conta com mais de 30 expositores, que apresentam ao público as novidades do mundo das corridas de rua. O espaço funciona das 10h às 20h nesta quarta (31), quinta (1) e sexta-feira (2), e das 10h às 19h no sábado (3).

Além das corridas e da feira que acompanha a retirada de kits, a Maratona Internacional de Porto Alegre oferece outros dois eventos complementares aos atletas, com venda de ingressos e reservas feitas antecipadamente. Na noite que antecede a prova de 42 km será realizada a Maratona das Massas, no restaurante Casa do Gaúcho. Após a maratona, a partir do meio-dia de domingo (4), tem a Barbecue Sunset Party, a festa oficial da prova, com churrasco gaúcho e música no Garden do Parque da Harmonia.

Em sua 38ª edição, a Maratona Internacional de Porto Alegre é apresentada por Unimed, tem a Olympikus como marca esportiva oficial, conta com o patrocínio da Sul Gás, Michelob Ultra, Gol e Master Hotéis, apoio de SmartFit, Fonte da Ilha Água Mineral Natural, BarraShoppingSul, Parque da Orla, DaColônia e Foco Radical, e apoio institucional da Prefeitura Municipal de Porto Alegre. A organização do evento é assinada pelo Clube de Corredores de Porto Alegre (CORPA).

Alterações no trânsito

A Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) será a responsável pelo esquema especial de trânsito para a realização da 38° Maratona Internacional de Porto Alegre. As regiões do Sul e do Centro são as que terão maior impacto. Mais de 300 agentes de trânsito e transporte atuam neste sábado (3) e domingo (4) para garantir a segurança e orientar o trânsito e os passageiros do transporte coletivo.

Os bloqueios começam às 23h desta sexta-feira (2) na Avenida Diário de Notícias, sentido centro/bairro. No local estará montada a arena da Maratona Internacional de Porto Alegre.

Para a realização da Meia Maratona (21.1 km) e Corrida Rústica (7 km), as alterações começam a partir das 5h30 de sábado (3), com o bloqueio da Edvaldo Pereira Paiva e do cruzamento das avenidas Augusto de Carvalho e Loureiro da Silva. Na região central, a partir das 6h30, a Avenida Mauá, a partir da estação Borges de Medeiros, estará bloqueada. Os motoristas são orientados a guiar pelo Túnel da Conceição ou Terceira Perimetral. Já na região sul da cidade, o trânsito será desviado da avenida Padre Cacique, pela Pinheiro Borda, Taquari. Na Icaraí, o desvio será pela Coronel Claudino e Tamandaré.

No domingo (4), os bloqueios e desvios do dia anterior se repetem para a realização da maratona (42). Além deles, outras alterações no fluxo de veículos serão efetuadas. A Avenida João Pessoa será bloqueada a partir das 6h40, enquanto a Avenida Azenha estará fechada a partir das 7h. Ainda, a EPTC vai alterar o funcionamento em 127 semáforos para garantir a fluidez de veículos por conta das interrupções.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *