PFC

Marlei Willers e Vestus Cheboi são os grandes campeões da Maratona Internacional de Porto Alegre 2023

A Maratona Internacional de Porto Alegre conheceu neste domingo (4) os grandes campeões da edição de 2023. A brasileira Marlei Willers e o queniano Vestus Cheboi conquistaram o lugar mais alto do pódio da prova principal da tradicional prova do calendário de corridas de rua do Brasil. O evento esportivo contou com mais de 16 mil atletas em dois dias de corridas. No sábado (3) foram realizadas a Corrida Rústica (7 km) e a Meia Maratona (21.1 km). Neste domingo (4) foi a vez da prova principal, com 42.2 km pela capital gaúcha.

Marlei Willers e Vestus Cheboi entraram para a história dos 40 anos de existência da Maratona Internacional de Porto Alegre. Eles estão na lista de vencedores que reúne os campeões das 38 edições do evento esportivo. Vestus Cheboi superou os 42.2 km da maratona mais rápida do Brasil em 2h15m29. Já a campeã da maratona feminina, Marlei Willers, chegou na frente ao cruzar a linha de chegada com o tempo de 2h40m59. A atleta radicada no Rio Grande do Sul, na cidade de Morro Reuter (RS), comemorou muito o título em Porto Alegre.

“Esta prova é grandiosa. Era um sonho vencer em Porto Alegre. Usei a meu favor toda a torcida. Depois do km 32 consegui assumir a liderança depois que a queniana (Vivian Kiplagat) baixou o ritmo. Isso foi graças ao carinho da torcida que dava força e aplaudia no percurso. Foi muito emocionante A vitória foi um grande presente para mim e também para o Rio Grande do Sul”, disse Marlei, muito emocionada depois que concluiu os 42.2 km.

“Eu estou muito feliz com esta vitória em Porto Alegre. Eu amo correr no Brasil por causa das pessoas. Queria muito competir pelo Brasil. Os brasileiros amam a corrida. O apoio e o clima durante a prova foi incrível. Permitiu que eu pudesse encontrar forças na reta final. Gostaria de poder agradecer a todo mundo. Vinha treinando bem e vim para vencer a prova. Consegui a segunda maratona mais rápida da minha carreira. Porto Alegre vai ficar para sempre no meu coração”, disse Vestus Cheboi instantes depois de cruzar a linha de chegada.

A prova com 42.2 km teve transmissão ao vivo pela TVE RS, emissora pública administrada pelo Departamento de Radiodifusão e Audiovisual da Secretaria de Comunicação do Estado (Secom), e pelo canal no YouTube da Olympikus, marca esportiva do evento. Além disso, distribuiu cerca de R$ 180 mil em dinheiro em prêmios aos melhores, a maior premiação da história do evento esportivo.

“Sem dúvida esta foi a maior edição da Maratona Internacional de Porto Alegre. Tivemos a inédita transmissão ao vivo, pioneira no segmento de corridas de rua do Brasil, e, ainda, contamos com a maior premiação em dinheiro da história do evento, com cerca de R$ 180 mil. Foram 16 mil atletas nos dois dias de provas e registramos a presença de 30 mil pessoas nos quatro dias da Feira da Maratona, realizada no Centro de Eventos do BarraShopping Sul”, afirma Paulo Silva, diretor da prova e do Clube de Corredores de Porto Alegre (CORPA), organizador do evento.

Domingo de maratona em Porto Alegre

Os corredores que participaram da maratona mais plana do Brasil se concentraram na Avenida Diário de Notícias, em frente ao BarraShopping Sul, ainda antes das primeiras luzes nos céus de Porto Alegre. Às 6h55 foi dada a largada para a maratona de cadeirantes, deficientes visuais e especiais. Cinco minutos depois começou a prova mais aguardada do tradicional evento esportivo de corrida de rua do Brasil. Os primeiros metros foram de muita disputa. Afinal, dos cerca de R$ 180 mil em premiação, R$ 146 mil foram destinados aos cinco melhores colocados da prova de 42.2 km, masculina e feminina. Os grandes campeões da 38ª Maratona Internacional de Porto Alegre receberam R$ 30 mil cada.

Após os 15 km iniciais, a prova masculina tinha um grupo de cinco atletas no pelotão que imprimia ritmo promissor para a quebra de recorde. Entre as mulheres, a queniana Vivian Kiplagat mantinha a dianteira, seguida de Marlei Willers e da argentina Marcela Gomez. Pouco antes da metade do percurso total, o queniano Vestus Cheboi tomou a liderança e abriu diferença para os demais homens da maratona. Ele chegou a ser ameaçado por Joseph Kachapin Aperumoi, que não conseguiu sustentar o ritmo.

Cheboi passou a segunda metade da prova com boa vantagem, sustentada até a linha de chegada. Em alguns momentos, o ritmo prometia a quebra do recorde da prova. Mas a partir do momento que entrou na região do Centro Histórico de Porto Alegre a marca ficou inviável. Foi neste ponto da maratona que a liderança no feminino mudou de mãos. A atleta radicada no Rio Grande do Sul, Marlei Willers tomou a dianteira da prova. Deixou a queniana para trás e mirar o lugar mais alto do pódio.

Vestus Cheboi correu sozinho os últimos metros e confirmou o favoritismo. Ele cruzou a linha de chegada com 2h15m29. Enquanto os primeiros colocados da prova masculina cruzavam a linha de chegada, Marlei Willers abriu vantagem da queniana, mas jamais esteve sozinha na prova. O grande público no percurso apoiava a atleta radicada em solo gaúcho. Nos últimos metros, com o pórtico de chegada visível, Marlei agradeceu toda a torcida e apontou para o chão para demonstrar que sentia-se em casa. Cruzou o pórtico com 2h40m59. seguida por Vivian Kiplagat e Jéssica Amanda Ferreira.

Vencedores de sábado (3)

As corridas das Maratona Internacional de Porto Alegre 2023 começaram no sábado (3), com a realização da Corrida Rústica (7 km) e da Meia Maratona (21.1 km). Na prova com a distância mais curta, se sobressaíram Vinícius de Carvalho Alves e Jéssica Ladeira, que venceram com os tempos de 21m16 e 23m46, respectivamente. Um grande número de pessoas foi para as ruas de Porto Alegre para apoiar os atletas.

Eles vibraram com a vitória do gaúcho Maicon Mancuso, vencedor da Meia Maratona, e da cearense Aline Prudencio, primeira colocada nos 21.1 km. Maicon cravou o tempo de 1h04m16, enquanto Aline superou a distância em 1h17m17. Foram distribuídos´R$ 30 mil de premiação total na prova de 21.1 km para os cinco primeiros colocados no geral, masculino e feminino. Os vencedores levaram R$ 5 mil cada.

Feira da Maratona

A programação oficial da 38° Maratona Internacional de Porto Alegre começou ainda na última  quarta-feira (31), com a abertura da Feira da Maratona. Pelo espaço, montado no Centro de Evento do BarraShoppingSul, passaram aproximadamente 30 mil pessoas nos quatro dias. A feira foi finalizada às 19h de sábado (3). Além da retirada de kits pelos atletas inscritos, contou com mais de 30 expositores que apresentaram ao público as novidades do mundo das corridas de rua.

Além das corridas e da feira que acompanha a retirada de kits, a Maratona Internacional de Porto Alegre contou com outros dois eventos complementares. Na noite de sábado (3), véspera da prova de 42.2 km, foi realizada a Maratona das Massas, no restaurante Casa do Gaúcho. Após a maratona, a partir do meio-dia de domingo (4), o evento ofereceu a Barbecue Sunset Party, a festa oficial da prova, com churrasco gaúcho e música no Garden do Parque da Harmonia.

A 38ª edição da Maratona Internacional de Porto Alegre foi apresentada por Unimed,  teve a Olympikus como marca esportiva oficial, contou com o patrocínio da Sul Gás, Michelob Ultra, Gol e Master Hotéis, com o apoio de SmartFit, Fonte da Ilha Água Mineral Natural, BarraShoppingSul, Parque da Orla, DaColônia e Foco Radical, e apoio institucional da Prefeitura Municipal de Porto Alegre. A organização do evento foi assinada pelo Clube de Corredores de Porto Alegre (CORPA).

Resultados da Maratona Internacional de Porto Alegre 2023

Maratona Geral Feminina

1. Marlei Willers, 2h40m59

2. Vivian Kiplagat, 2h41m59

3. Jéssica Amanda Ferreira, 2h47m08

4. Hannah Clark Luber, 2h49m35

5. Ana Catarina Amâncio de Oliveira, 2h51m00

Maratona Geral Masculina

1. Vestus Cheboi, 2h15m29

2. Collins Kimosop, 2h16m53

3. Gilmar Silvestre Lopes, 2h17m22

4. Wellington Bezerra da Silva, 2h18m42

5. Antonio Marco Pereira Araújo, 2h20m36

Meia maratona Geral Feminina – sábado (3)

1. Aline Prudêncio, 1h17m17

2. Jaciane Barros de Jesus, 1h17m58

3. Senara Almeida da Silva, 1h19m03

4. Luciana Eltz Soares, 1h19m19

5. Fabrícia Ester Stedille, 1h19m54

Meia maratona Geral Masculina – sábado (3)

1. Maicon Mancuso, 1h04m16

2. Gustavo Barros de Souza, 1h04m31

3. Cícero Evandro Ferreira dos Santos, 1h05m22

4. Juliano Araújo, 1h05m38

5. Moses Kibet, 1h06m09

Corrida Rústica (7 km) Geral Feminina – sábado (3)

1. Jéssica Ladeira, 23m46

2. Luisa de Souza Giampoli, 24m07

3. Gabriela Lamb Bender, 25m58

4. Najara Louzada Siqueira, 26m51

5. Mariana Jardim Rodrigues Saraiva, 28m42

Corrida Rústica (7 km) Geral Masculina – sábado (3)

1. Vinícius de Carvalho Alves, 21m16

2. Adélio dos Santos, 21m23

3. José Antônio Machado da Cunha, 21m27

4. Elizandro Melgarejo, 21m43

5. Daniel Klein Ortiz, 21m44

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *