PFC

Série documental aborda a trajetória do triatleta brasileiro Thiago Vinhal, primeiro negro a competir na categoria profissional em 39 anos do mundial Ironman

Até onde um sonho pode te levar? Obstinado a alcançar o primeiro lugar em uma competição de Ironman, o atleta mineiro Thiago Vinhal passou por diversas provações antes mesmo de encarar os 3800m de natação, 180km de ciclismo e 42km de corrida. Dirigido por Rico Faissol, “Respeita Meu Sonho” conta a trajetória do primeiro atleta preto a competir na categoria profissional – em 39 anos de evento – no maior desafio de Ironman do planeta, o mundial de Kona, no Havaí. O Ironman é a prova esportiva mais exaustiva que se pode realizar em um único dia, desafiando os limites físicos e mentais dos atletas. A estreia do doc-série está marcada para o dia 15 de abril, no Canal OFF, e o primeiro episódio chega ao catálogo do Globoplay no dia seguinte (16/04).

Resiliência, positividade e fé são três palavras que permeiam o dia a dia de Thiago, triatleta mais bem colocado até hoje no mundial de Kona, tanto no jeito que ele vê o mundo, quanto nos treinos. “Sonho bom é sonho vivido, que quando você acorda, ele não acaba”, diz o atleta. Ao longo de cinco episódios, “Respeita meu sonha” retrata diversos momentos sobre a infância de Thiago, a descoberta de sua vocação para o triatlo, sua vida em Belo Horizonte, cidade onde nasceu e mora até hoje, sua preparação em Maiorca (Espanha) e os momentos nas competições de Ironman em Florianópolis (Santa Catarina) e Cozumel (México).

Para além dos depoimentos clássicos de um documentário, o diretor Rico Faissol utiliza o recurso da dramatização, que permite ao público visualizar momentos da vida de Thiago Vinhal, como sua infância. Parte das cenas, com os atores Juan Queiroz e Luca Drummond, foram gravadas no mesmo colégio em que o atleta estudou, em Belo Horizonte. “Respeita meu sonho” retrata o preconceito sofrido por Thiago ainda na infância e a sua maneira de superar as adversidades para atingir o seu tão sonhado objetivo de viver do esporte.

“Minha vontade com essa série documental é inspirar outras pessoas através da surpreendente história do Thiago Vinhal, que é a prova viva que quando a mente humana toma uma decisão, tudo é possível. O nome Ironman nos remete a imaginar que seus praticantes são como super-heróis, mas a beleza do esporte é justamente provar a capacidade humana. Na série, tentei mostrar o que levou Thiago a se tornar um dos mais resistentes atletas brasileiros a competir na mais dura prova  já inventada pelo homem, a ser cumprida em um só dia”, comenta Rico Faissol.  A equipe de gravação entrou no ritmo de Vinhal, se desafiando em takes dentro d’água e encarando fortes chuvas. O doc entrevista ainda o treinador e mentor de Thiago, o dinamarquês Frank Jacobsen, e o triatleta sueco e parceiro de treinos de Thiago,  Jesper Svensson.

Atualmente, Thiago é o triatleta brasileiro com a melhor colocação até hoje no mundial, ficando em 13° lugar geral. “Foco no progresso e não no sucesso. Foi isso que meu pai me ensinou quando eu era pequeno. É o que levo comigo em todos os dias de treino e quando estou encarando desde os momentos mais fáceis até os mais difíceis de uma competição”, comenta Thiago Vinhal, que mesmo figurando entre os melhores triatletas do mundo tem o sonho de vencer o mundial do Ironman em Kona, no Havaí.

Com uma carreira consolidada no audiovisual e reconhecido com um ouro no festival de Veneza 2020 na categoria branded entertainment, o diretor Rico Faissol tem dedicado os últimos 14 anos a dirigir e produzir séries, documentários e reality shows, nos mais diversos e às vezes remotos cantos do planeta. Já dirigiu mais de 150 episódios de 30min em mais de 30 países, tratando de esporte, meio ambiente e questões sociais. Rico Faissol é diretor de “Guató: Uma Remada no Tempo”, de 2020, também produzida pelo Canal OFF, vencedora de diversos prêmios como o Calcutta International Film Festival. A série propõe em 8 episódios uma viagem no tempo sobre o povo Guató, que chegou a ser dado como extinto, durante uma expedição de 15 dias no Pantanal brasileiro. Rico também dirigiu a série finalista no New York Film Festival, “Patagônia: O Próximo Passo”, de 2019. Com 4 episódios, a produção aborda as adversidades do tempo patagônico em um encontro do fotógrafo nômade digital Brian Baldrati e o aventureiro, duas vezes no livro dos recordes, Diogo Guerreiro.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *